Exposta a Doutrina da Torre de Vigia

–A Luz de Deus brilhando sobre as Crenças das Testemunhas de Jeová

Quadro de referência expondo os erros doutrinais da Sociedade Torre de Vigia em formato paralelo, por comparar a doutrina da Torre de Vigia com os claros ensinos da Bíblia.

PDF

Jehovah's Witness Magazines

EXPOSTA A DOUTRINA DA TORRE DE VIGIA

 

A DOUTRINA DA TORRE DE VIGIA
ENSINO BÍBLICO

TRINDADE:  “Nunca existiu uma doutrina ensinada mais enganosa do que a da trindade. Só se poderia ter originado numa mente,  e essa é a mente de Satanás, o Diabo.”Reconciliação, 1928, pág. 101 (edição em inglês)

“Por conseguinte, os que aceitam a Bíblia como a Palavra de Deus não adoram a Trindade que consiste de três pessoas, ou deuses, em um só. De fato, a palavra “Trindade” nem aparece na Bíblia.” —CONHECIMENTO Que Conduz À Vida Eterna, 1995, pág. 31

TRINDADE: Um Deus que se revela em três pessoas — o Pai, o Filho, e o Espírito Santo, a Trindade não é Modalismo — a visão de que o Pai, o Filho e o Espírito Santo são todos uma só pessoa, nem é Triteísmo — a opinião de que o Pai, o Filho e o Espírito Santo são três deuses separados.

  • O PAI É DEUS: Filipenses 2:11
  • O FILHO É DEUS: João 20:28, Tito 2:13, 2 Pedro 1:1, Hebreus 1:8, Mateus 1:23, Isaías 9:6, Colossenses 2:9, João 1:1, 18
  • O ESPÍRITO SANTO É DEUS:  Atos 5:3-4
  • No entanto, não são três “deuses”, mas um só Deus: Isaías
    43:10-11; 44:6,8; 45:21- 22; 46:9

MATEUS 28:19: “…batizando-os em nome do Pai, e do Filho, e do Espírito Santo.”1.

JESUS CRISTO é um anjo criado que, embora seja divino, é apenas “um deus”, separado do verdadeiro Deus.

“…Jesus era um ser espiritual criado, do mesmo modo como os anjos são seres espirituais criados por Deus.” —Devemos Acreditar na Trindade?, pág. 14

Prova João 1:1 que Jesus é Deus?…Portanto, o texto não diz que a Palavra (Jesus) era o mesmo que o Deus com quem estava, mas, antes, que o Verbo (a Palavra) era semelhante a um deus, era divino, era um deus.” —Raciocínios À Base das Escrituras, 1985, pág. 212

JESUS CRISTO sempre existiu e é o único e verdadeiro Deus.

HEBREUS 7:3: “…que não teve princípio de dias, nem fim de existência, entretanto, feito semelhante ao Filho de Deus….”

JOÃO 1:3: Todas as coisas foram feitas por intermédio dele, e, sem ele, nada do que foi feito se fez.” 2.

1 JOÃO 5:20-21; 1:2: “…e estamos no verdadeiro, em seu Filho, Jesus Cristo. Este é o verdadeiro Deus e a vida eterna…. a vida eterna, a qual estava com o Pai e nos foi manifestada.…”

1 TIMÓTEO 1:17: “Assim, ao Rei eterno, imortal, invisível, Deus único, honra e glória pelos séculos dos séculos. Amém!”

JESUS CRISTO como criatura não deve receber a mesma honra e adoração que o Pai recebe. 

“Não concluamos erroneamente que os cristãos devem adorar a Cristo, não foi isso que ele ensinou. Na verdade, ele é um deus, um poderoso, mas ele não adorou a si próprio e não ensinou os seus discípulos a adorá-lo.”–A Sentinela, 15 de Julho, 1959, pág. 421 (edição em inglês)

“Quem usa o nome de Jesus na sua adoração, mas deixa de dar honra maior a Jeová, não manifesta genuíno amor à luz.” — A Sentinela, 1 de Agosto, 1991, pág. 9

“Embora alguns afirmem que se possa dirigir corretamente uma oração a outros, tais como ao Filho de Deus, a evidência aponta enfaticamente o contrário.” Estudo Perspicaz das Escrituras, vol. 3, 1988, pág. 136

JESUS CRISTO como Deus recebe a mesma honra e adoração que o Pai recebe.

REVELAÇÃO 5:13-14: “…‘Àquele que está sentado no trono e ao Cordeiro, seja o louvor, e a honra, e a glória, e o domínio pelos séculos dos séculos. E os quatro seres viventes respondiam: Amém! Também os anciãos prostraram-se e adoraram.”

HEBREUS 1:6: “E, novamente, ao introduzir o Primogênito no mundo, diz: E todos os anjos de Deus o adorem.’ ”

JOÃO 5:23: “a fim de que todos honrem o Filho do modo por que honram o Pai. Quem não honra o Filho não honra o Pai que o enviou.”

JOÃO 14:14:  “Se me pedirdes alguma coisa em meu nome, eu o farei.” 3.

1 CORÍNTIOS 1:2, 9: “aos santificados em Cristo Jesus, chamados para ser santos, com todos os que em todo lugar invocam o nome de nosso Senhor Jesus Cristo, Senhor deles e nosso…. pelo qual fostes chamados à comunhão de seu Filho Jesus Cristo, nosso Senhor.”

JESUS CRISTO foi o arcanjo Miguel antes de vir à terra e tornar-se nada mais, nada menos, do que um humano perfeito que, quando morreu, deixou a sua humanidade e voltou a ser o arcanjo Miguel na sua ressurreição.

“Portanto, a evidência indica que o Filho de Deus, antes de vir à terra, era conhecido como Miguel, e também é conhecido por esse nome desde que retornou ao céu, onde reside como o glorificado Filho espiritual de Deus.”–Raciocínios, 1985, pág. 219

“Irrompeu uma guerra no céu: Miguel [que é o ressuscitado Jesus Cristo] e os seus anjos batalhavam com o dragão, e o dragão….” — Você Poderá Viver Para Sempre no Paraíso na Terra, 1982, pág. 21

Na morte, ele deixou de lado o organismo humano no qual ele ministrou como uma nova criatura por três anos e meio, e na sua ressurreição, ele não era mais humano.” —Está Próximo o Reino, 1944, pág. 258 (edição em inglês)

“…pois o homem Jesus está morto, morto para sempre….” —A Expiação Entre Deus e o Homem, Estudos vol. 5, pág. 454 (edição em inglês)

“O corpo humano de carne, que Jesus Cristo estabeleceu para sempre como um sacrifício de resgate, foi eliminado pelo poder de Deus….” —Coisas em Que É Impossível que Deus Minta,” 1965, pág. 354 (edição em inglês)

“…Jesus simplesmente se materializou, ou assumiu um corpo carnal…. A fim de convencer Tomé quanto a quem Ele era, Ele usou um corpo com marcas de ferimentos.” —Você Poderá Viver Para Sempre no Paraíso na Terra, 1982, págs. 144, 145

JESUS CRISTO enquanto continuava a existir como Deus, assumiu uma natureza adicional na encarnação, tornando-se assim, Deus-homem. Ele ressuscitou num corpo humano glorificado. Seus crentes esperam ansiosamente a sua segunda vinda em carne.

FILIPENSES 2:5-11:  “…Ele, que por natureza era Deus, não quis agarrar-se a esse direito de ser igual a Deus. Pelo contrário, privou-se do que era seu e tomou a condição de escravo, tornando-se igual aos homens….” 4.

HEBREUS 1:5, 13; 2:5, 8:  “Pois a qual dos anjos disse jamais: Tu és meu Filho, eu hoje te gerei? E outra vez: Eu lhe serei Pai, e ele me será Filho?’….a qual dos anjos jamais disse: Assenta-te à minha direita, até que eu ponha os teus inimigos por estrado dos teus pés?… Pois não foi a anjos que sujeitou o mundo que há de vir, sobre o qual estamos falando…. desde que lhe sujeitou todas as coisas, nada deixou fora do seu domínio….”

JOÃO 2:18-22: “Perguntaram-lhe, pois, os judeus: Que sinal nos mostras, para fazeres estas coisas? Jesus lhes respondeu: Destruí este santuário, e em três dias o reconstruirei. Replicaram os judeus: Em quarenta e seis anos foi edificado este santuário, e tu, em três dias, o levantarás? Ele, porém, se referia ao santuário do seu corpo. Quando, pois, Jesus ressuscitou dentre os mortos, lembraram-se os seus discípulos de que ele dissera isto; e creram na Escritura e na palavra de Jesus.” 5.

1 TIMÓTEO 2:5: “Porquanto há um só Deus e um só Mediador entre Deus e os homens, Cristo Jesus, homem….”

ATOS 17:31: “porquanto estabeleceu um dia em que há de julgar o mundo com justiça, por meio de um varão que destinou e acreditou diante de todos, ressuscitando-o dentre os mortos.”

ESPÍRITO SANTO: “Força ativa” de Deus

“O USO que a Bíblia faz de “espírito santo” indica que se trata duma força controlada que Jeová Deus usa para realizar uma variedade de propósitos…pode ser comparada com a eletricidade, uma força que pode ser adaptada para realizar grande variedade de operações.” —Deve-se Acreditar na Trindade?, pág. 20

ESPÍRITO SANTO: Terceira pessoa da Trindade, que é Deus, Ele tem todos os atributos de personalidade.

  • Ele testifica acerca de Cristo (João 15:26).Ele intercede pelos crentes (Romanos 8:26).
  • Ele ensina os crentes (João 14:26, Apocalipse 2:7;
  • 1 Timóteo 4:1).
  • Ele tem uma “”vontade” e emite comandos (1 Coríntios 12:11; Atos 8:29; 13:2-4; 16:6).
  • Ele guia os crentes (João 16:13; Romanos 8:14).
  • Ele tem uma “mente” e “pesquisa todas as coisas” de Deus (Romanos 8:27, 1 Coríntios 2:10-11).
  • Ele tem emoções e pode “chorar” (Efésios 4:30, Isaías 63:10).
  • Ele é tratado como uma pessoa e pode ser enganado (Atos 5:3), blasfemado (Mateus 12:31), e tentado (Atos 5:9).

EVANGELHO: A Sociedade Torre de Vigia admite que o seu “evangelho” não é o mesmo evangelho que, historicamente, tem sido pregado pela cristandade.

“…compare…do evangelho do Reino feita pelos sistemas religiosos da cristandade, durante todos os séculos, com a feita pelas Testemunhas de Jeová….Não são iguais.” — A Sentinela, 1 de Novembro, 1981, pág. 17

O “evangelho” da Sociedade é um evangelho de obras + fé. Eles ensinam que há quatro exigências para a salvação:

  1. “…conhecimento de Deus e de Jesus Cristo.”
  2. “…obedecer às leis de Deus, sim, harmonizar a vida com os requisitos morais delineados na Bíblia.”
    • “…estarmos associados com o instrumento usado por Deus, a Sua organização….precisaremos identificar essa organização e servir a Deus como parte dela.”

    A Sentinela, 15 de Fevereiro, 1983, pág. 14

  3. “…connected [to God’s organization] with loyalty.”The Watchtower, February 15, 1983, p. 12

“E embora o testemunho dado agora ainda inclua o convite de vir à organização de Jeová para a salvação.”—A Sentinela, 15 de Julho, 1981, pág. 21

“É pela recompensa da vida eterna que cada uma das pessoas na terra devia trabalhar agora. Está fazendo isso?” — A Sentinela, 15 de Fevereiro, 1973, pág. 107

“Quando aceitamos este convite, temos de estar preparados para fazer isso “continuamente”, não porque haja algum mérito especial na abnegação, mas porque um só momento de imprudência, uma só falta de bom juízo, podem desfazer tudo o que edificamos, até mesmo pondo em perigo nosso bem-estar eterno. O progresso espiritual costuma ser feito num passo bastante vagaroso, mas quão rapidamente poderá ser anulado se não estivermos constantemente em guarda!”— A Sentinela, 1 de Agosto, 1992, pág. 17

EVANGELHO: A “dádiva” gratuita de Deus é a vida eterna (Rom. 6:23) e é encontrada por se confiar em Cristo para a salvação. (Ef. 2:8-10) As obras são apenas uma resposta para a salvação e para provar se a pessoa tem uma fé viva que salva ou uma fé morta que não salva (Tiago 2:14, 17). Romanos 10:9 revela que os únicos requisitos para a salvação são:

  1. Confessar que Jesus é o Senhor (Jeová).
  2. Acreditar que Deus o ressuscitou dentre os mortos.

JOÃO 6:28-29:  “Dirigiram-se, pois, a ele, perguntando: Que faremos para realizar as obras de Deus? Respondeu-lhes Jesus: A obra de Deus é esta: que creiais naquele que por ele foi enviado.”

ROMANOS 4:4-6:  “Ora, ao que trabalha, o salário não é considerado como favor, e sim como dívida. Mas, ao que não trabalha, porém crê naquele que justifica o ímpio, a sua fé lhe é atribuída como justiça. E é assim também que Davi declara ser bem-aventurado o homem a quem Deus atribui justiça, independentemente de obras.” 6.

1 JOÃO 5:11-13:  “E o testemunho é este: que Deus nos deu a vida eterna; e esta vida está no seu Filho. Aquele que tem o Filho tem a vida; aquele que não tem o Filho de Deus não tem a vida. Estas coisas vos escrevi, a fim de saberdes que tendes a vida eterna, a vós outros que credes em o nome do Filho de Deus.”

FILIPENSES 3:9: “e ser achado nele, não tendo justiça própria, que procede de lei, senão a que é mediante a fé em Cristo, a justiça que procede de Deus, baseada na fé….”

COLOSSENSES 3:3: “porque morrestes, e a vossa vida está oculta juntamente com Cristo, em Deus.” 7.

Paulo advertiu sobre aqueles que pregam outro evangelho (Gálatas 1:6-9;. 2 Coríntios 11:3-4). Jesus profetizou que a sua igreja não se tornaria apóstata (Mateus 16:18), e, portanto, o Evangelho não teria que ser restaurado (Judas 3). Efésios 3:21 afirma, “a ele seja a glória na igreja … para todas as gerações para todo o sempre. Amém.” Como pode uma igreja apóstata dar glória a Deus através de “todas as gerações “?

SALVAÇÃO: A Torre de Vigia define a salvação como “ser salvo da destruição do atual iníquo sistema de coisas e finalmente da própria morte!” (WT, 15/08/97, pág. 5) Eles ensinam que há duas classes de crentes.

PEQUENO REBANHO:
O “pequeno rebanho” de 144.000 cristãos (que vai usufruir a vida eterna no céu) tem uma especial unção do Espírito Santo sobre eles, que lhes permite interpretar corretamente a Bíblia. Os privilégios do Novo Pacto, de ter Cristo como mediador pessoal, nascer de novo, ser adotados como filhos de Deus, e participar da refeição noturna do Senhor pertencem apenas a este grupo que foi completado em 1935. 

OUTRAS OVELHAS:
As “outras ovelhas” (todos os crentes anteriores ao tempo de Jesus na terra e todos os crentes das Testemunhas de Jeová após 1935) compõem a “grande multidão” de outros crentes, cuja esperança eterna é o “novo sistema de coisas” num “paraíso terrestre”. Eles não têm esperança celestial, e uma vez que não fazem parte do Novo Pacto, eles não podem participar dos privilégios do Novo Pacto referidos nas Escrituras Gregas Cristãs.

Quantos Deus leva para o céu para governar com Cristo? Segundo a Bíblia, apenas 144.000. (Revelação 7:4; 14:1)….A grande maioria dos que já morreram serão ressuscitados para a vida numa Terra paradísica.” —Conhecimento, pág. 88

“…ninguém subira ao céu durante todos aqueles 4.000 anos da história humana, até os dias dele. Davi, Jó e João, o Batizador, receberão a ressurreição para a vida aqui na terra. De fato, todos os homens e mulheres fiéis que morreram antes de Jesus falecer tinham a esperança de viver novamente na terra, não no céu.” —Você Poderá Viver Para Sempre no Paraíso na Terra, pág. 122

“Em 1935…divulgou-se que a “grande multidão” de Revelação 7:9-17 era um grupo a ser reconhecido “após” os 144.000, e que seu destino é a vida eterna na Terra paradísica.” —A Sentinela, 1 de Janeiro, 1997, pág. 10

Nascer de novo envolve…tornando-se assim filho de Deus, com a perspectiva de ter parte no Reino de Deus. (João 3:3-5) Jesus teve essa experiência, assim como a têm os 144.000 que são herdeiros com ele do Reino celestial.” —Raciocínios, pág. 256-257

“…a filiação desses cristãos gerados pelo espírito é uma relação mais íntima com Deus do que a que foi usufruída pelo Israel carnal.” —Estudo Perspicaz, vol. 2, pág. 135

“Do mesmo modo, o Moisés Maior, Jesus Cristo, não é o Mediador entre Jeová Deus e toda a humanidade. Ele é o Mediador entre seu Pai celestial, Jeová Deus, e a nação do Israel espiritual, que está limitado a 144.000 membros.” —Segurança Mundial sob o “Príncipe da Paz”,1986, pág. 10-11

“Por conseguinte, tais pessoas compareceriam à celebração da Refeição Noturna do Senhor, e a comemorariam, mas, não sendo co-herdeiros de Cristo, nem filhos espirituais de Deus, não participariam dos emblemas como co-participantes da morte de Cristo, que têm a esperança de ressurreição para uma vida celestial junto com ele.” — Estudo Perspicaz, vol. 3. Pág. 394

SALVAÇÃO: A salvação bíblica abrange muito mais do que simplesmente ser salvo da destruição física e morte. João 17:3 diz: “Esta é a vida eterna, que te conheçam a Ti, o único Deus verdadeiro, e a Jesus Cristo, a quem enviaste.” A verdadeira Vida eterna é encontrada somente num relacionamento com Jesus Cristo! Quando uma pessoa coloca sua total confiança em Cristo para a sua justiça (1 João 1:7-9), Jesus, na verdade, vem viver dentro dele, e é Cristo que muda a pessoa de dentro para fora.

2 CORÍNTIOS 13:5: Examinai-vos a vós mesmos se realmente estais na fé; provai-vos a vós mesmos. Ou não reconheceis que Jesus Cristo está em vós? Se não é que já estais reprovados.”

2 CORÍNTIOS 5:17: “E, assim, se alguém está em Cristo, é nova criatura; as coisas antigas já passaram; eis que se fizeram novas.”

EZEQUIEL 36:26-27: “Dar-vos-ei um novo coração e porei em vocês um novo espírito. Tirarei o vosso coração de pedra, de pecado, e porei no seu lugar corações sensíveis. Porei em vocês o meu Espírito, e de tal forma que obedecerão às minhas leis e farão tudo o que vos mandar.”

JEREMIAS 31:33-34:  “Porque esta é a aliança que firmarei com a casa de Israel, depois daqueles dias, diz o SENHOR: Na mente, lhes imprimirei as minhas leis, também no coração lhas inscreverei; eu serei o seu Deus, e eles serão o meu povo. Não ensinará jamais cada um ao seu próximo, nem cada um ao seu irmão, dizendo: Conhece ao SENHOR, porque todos me conhecerão, desde o menor até ao maior deles, diz o SENHOR. Pois perdoarei as suas iniqüidades e dos seus pecados jamais me lembrarei.” 8.

2 CORÍNTIOS 3:3-6“…estando já manifestos como carta de Cristo, produzida pelo nosso ministério, escrita não com tinta, mas pelo Espírito do Deus vivente, não em tábuas de pedra, mas em tábuas de carne, isto é, nos corações. …a nossa suficiência vem de Deus, o qual nos habilitou para sermos ministros de uma nova aliança, não da letra, mas do espírito; porque a letra mata, mas o espírito vivifica.”

QUEM SÃO AS “OUTRAS OVELHAS” DE JOÃO 10:16?
Os dois “rebanhos” de crentes mencionados em João 10:16 referem-se aos judeus e gentios. Os judeus tradicionalmente viam os gentios (todos aqueles que não eram judeus), como sendo uma classe menor de pessoas impuras (Ef. 2:11-12). Jesus estava mostrando que, embora Ele tivesse vindo para as “ovelhas perdidas da casa de Israel” (Mateus 10:6), em breve traria os gentios para o seu rebanho e juntos,  eles (os judeus e gentios) seriam “um só rebanho com um pastor”.

ROMANOS 1:16; 3:29: “Pois não me envergonho do evangelho, porque é o poder de Deus para a salvação de todo aquele que crê, primeiro do judeu e também do grego….É, porventura, Deus somente dos judeus? Não o é também dos gentios? Sim, também dos gentios.”

EFÉSIOS 2:11-14: “Portanto, lembrai-vos de que, outrora, vós, gentios na carne, chamados incircuncisão por aqueles que se intitulam circuncisos, na carne, por mãos humanas, naquele tempo, estáveis sem Cristo, separados da comunidade de Israel e estranhos às alianças da promessa, não tendo esperança e sem Deus no mundo. Mas, agora, em Cristo Jesus, vós, que antes estáveis longe, fostes aproximados pelo sangue de Cristo. Porque ele é a nossa paz, o qual de ambos fez um; e, tendo derrubado a parede da separação que estava no meio.”

ESTÃO APENAS 144.000 NO NOVO PACTO?
Para Deus, não há “NENHUMA DISTINÇÃO” entre os crentes (Rom. 3:22; Col. 3:11). Deus não tem favoritos, pois Ele “não mostra parcialidade” (Gál. 2:6). 

1 JOÃO 5:1 declara: “Todo aquele que crê que Jesus é o Cristo é nascido de Deus”. (veja João 1:12) Visto que a humanidade nasce morta espiritualmente (Rom. 5:12, 1 Coríntios. 2:14), ela (no seu estado natural), “não pode agradar a Deus”. (Rom. 8:8-9) Nascer de novo é um ato no qual Deus nos purifica de todo o pecado e implanta o Seu Espírito dentro de nós (Tito 3:5), dessa forma, tornando-nos vivos para ver as coisas espirituais. Segundo a Bíblia, todos os que desejarem ver o Reino de Deus, devem nascer de novo (João 3:3), caso contrário, “ele não pode agradar a Deus” e “não pertence a ele” (Romanos 8:8-9 ). Jesus afirma que todo aquele que se exclui do Novo Pacto, exclui-se da vida eterna.

JOÃO 6:53:  “Respondeu-lhes Jesus: Em verdade, em verdade vos digo: se não comerdes a carne do Filho do Homem e não beberdes o seu sangue, não tendes vida em vós mesmos.”

TEVE JESUS QUE “NASCER DE NOVO”?
Jesus (que é plenamente Deus e plenamente homem ainda) nasceu sem uma natureza pecaminosa (Heb. 4:15; 7:26). Assim, Ele nunca foi espiritualmente morto, e, portanto, Ele nunca precisou ser feito vivo espiritualmente “nascer de novo”. Cristo é o Redentor, que POSSUI a vida eterna em SI MESMO (João 5:26) e provê essa vida a todos os que vêm a Ele (João 10:28).

VÃO OS 144.000 PARA O CÉU?

Um olhar sobre o contexto de Revelação 7:4-9 e 14:1-5 que aborda os 144.000, revela que essas pessoas são homens judeus que foram selados de todas as tribos de Israel. Um estudo contextual de Revelação 7:9-11 mostra claramente que a “grande multidão” de crentes estão também “no céu” a servir a Deus “dia e noite” no Seu templo (versículo 15). Portanto, eles também têm uma esperança celestial.

9.Não só as Escrituras revelam que todos os crentes que viveram depois de Cristo estão no céu, mas também todos os crentes do Antigo Testamento estão incluídos no reino dos céus. 10.

MATEUS 8:11:  “Digo-vos que muitos virão do Oriente e do Ocidente e tomarão lugares à mesa com Abraão, Isaque e Jacó no reino dos céus….”11.

HEBREUS 11:13, 16: “Todos estes morreram na fé….Mas, agora, aspiram a uma pátria superior, isto é, celestial…. porquanto lhes preparou uma cidade.”

ALMA (FORÇA DE VIDA), deixa de existir na morte / INFERNO = aniquilação.

“A Bíblia fala da “força da vida”, que está ativa nas criaturas terrestres vivas….O “espírito” que sai dos humanos na morte é a força de vida que se originou de nosso Criador….Esta força de vida não tem nenhuma das características da criatura a quem ela vivifica….Quando a força de vida pára de sustentar o corpo humano, o homem — a alma — morre….. Para onde vão os mortos? Para o Seol (hebraico: sheʼóhl), a sepultura comum da humanidade. Os nossos entes queridos falecidos não estão conscientes de nada. Não estão sofrendo….

Certamente, então, o nosso Criador todo-poderoso pode gravar os detalhes de qualquer indivíduo e ressuscitar a mesma pessoa, dando-lhe um corpo recém-formado….Todos os que estiverem na memória de Jeová serão ressuscitados e instruídos nos Seus caminhos….

O apóstolo João teve uma emocionante visão de pessoas ressuscitadas em pé diante do trono de Deus. Ele escreveu: “O mar entregou os mortos nele, e a morte e o Hades entregaram os mortos neles, e foram julgados individualmente segundo as suas ações. E a morte e o Hades foram lançados no lago de fogo. Este significa a segunda morte, o lago de fogo.” (Revelação [Apocalipse] 20:12-14) Imagine! Todos os mortos que estão na memória de Deus têm a perspectiva de serem libertados do Hades…sepultura comum da humanidade…Eles terão a oportunidade de demonstrar por meio de suas ações se servirão ou não a Deus. Daí, “a morte e o Hades” serão lançados no que é chamado de “lago de fogo”, que simboliza a destruição completa, simbolizada também pelo termo “Geena”….Como é consolador aprender da Bíblia que Deus não tortura ninguém!”–Conhecimento, 1995, págs. 81-83, 85, 87-88

“Em Revelação 14:9-11 (Al), diz-se que os adoradores da simbólica “besta, e a sua imagem”, são ‘atormentados com fogo e enxofre’. Isto não pode referir-se a tormento consciente após a morte…O fumo, associado com a destruição deles no fogo, ascende para sempre, porque tal destruição será eterna e jamais esquecida.” —Raciocínios, págs. 172-173

ALMA (ESPÍRITO) é a parte do homem que continua a existir após a morte, residindo ou com Deus no céu ou no inferno com Satanás – o Lago de Fogo (Revelação 20:13-15).

REVELAÇÃO 6:9-10: “…vi, debaixo do altar, as almas daqueles que tinham sido mortos por causa da palavra de… Clamaram em grande voz, dizendo: Até quando, ó Soberano Senhor, santo e verdadeiro, não julgas, nem vingas o nosso sangue dos que habitam sobre a terra?”

2 CORÍNTIOS 5:6, 8: “Temos, portanto, sempre bom ânimo, sabendo que, enquanto no corpo, estamos ausentes do Senhor… estamos em plena confiança, preferindo deixar o corpo e habitar com o Senhor.”

FILIPENSES 1:21-23: “Porquanto, para mim, o viver é Cristo, e o morrer é lucro. Entretanto, se o viver na carne traz fruto para o meu trabalho, já não sei o que hei de escolher. Ora, de um e outro lado, estou constrangido, tendo o desejo de partir e estar com Cristo, o que é incomparavelmente melhor.”

A MORTE NÃO NOS PODE SEPARAR DO AMOR DE DEUSROMANOS 8:38-39: “nem a morte…poderá separar-nos do amor de Deus, que está em Cristo Jesus, nosso Senhor…”

SALMOS 116:15:  “Preciosa é aos olhos do SENHOR a morte dos seus santos.” 12.

1 TESSALONICENSES 4:13-17:  “Não queremos, porém, irmãos, que sejais ignorantes com respeito aos que dormem… também Deus, mediante Jesus, trará, em sua companhia, os que dormem….os mortos em Cristo ressuscitarão primeiro; depois, nós, os vivos, os que ficarmos, seremos arrebatados juntamente com eles….”

A ALMA = PARTE INTERIOR DE UM HOMEM:

2 CORÍNTIOS 4:16: “Por isso, não desanimamos; pelo contrário, mesmo que o nosso homem exterior se corrompa, contudo, o nosso homem interior se renova de dia em dia.”

MATEUS 10:28: “Não temais os que matam o corpo e não podem matar a alma; temei, antes, aquele que pode fazer perecer no inferno tanto a alma como o corpo.” 13.

ECLESIASTES 12:5, 7: “…porque vais à casa eterna, e os pranteadores andem rodeando pela praça….e o pó volte à terra, como o era, e o espírito volte a Deus, que o deu.”14.

MATEUS 25:41, 46: “Então, o Rei dirá também aos que estiverem à sua esquerda: Apartai-vos de mim, malditos, para o fogo eterno….E irão estes para o castigo eterno, porém os justos, para a vida eterna.”15.

MARCOS 9:43-44: “…pois é melhor entrares maneta na vida do que, tendo as duas mãos, ires para o inferno, para o fogo inextinguível [onde não lhes morre o verme, nem o fogo se apaga].”

MATEUS 10:15; 11:21-24 INDICA QUE HAVERÃO GRAUS DE PUNIÇÃO. COMO PODERÃO HAVER GRAUS DE ANIQUILAÇÃO?

HEBREUS 10:29: “De quanto mais severo castigo julgais vós será considerado digno aquele que calcou aos pés o Filho de Deus, e profanou o sangue da aliança com o qual foi santificado, e ultrajou o Espírito da graça?….”

Uma religião não agrada a Deus só porque alega que tem Sua aprovação e porque seus ministros lêem trechos da Bíblia. Seus líderes podem até fazer coisas impressionantes que dão a impressão de que Deus opera por seu intermédio. Apesar de tudo, essa religião pode ser falsa, pode não estar produzindo frutos aceitáveis para Deus.”–A Sentinela, 15 de Set., 1996, pág. 4

“Se você descobrir que uma doutrina ou ensino é uma mentira, você deve rapidamente abandoná-los, independentemente de quem ensina ou há quanto tempo você acredita que esse ensino é verdadeiro”Riquezas, 1936, pág. 178 (edição em inglês)

================
1. Salvo disposição em contrário, todos os versículos da Bíblia são citados a partir da Bíblia Almeida Revista e Atualizada.
2. Compare com Isaías 44:24.
3. As traduções modernas têm Jesus dizendo “me pedirdes”, porque elas são baseadas nos melhores manuscritos gregos disponíveis hoje. Isso mostra orações a Jesus. Veja também Atos 7:59 e 2 Coríntios 12:8-9, onde Jesus recebe oração e compare com Êxodo 23:13.
4. Filipenses 2:5-11 é citado da Edição Interconfessional: a Bíblia para todos. Compare os versículos 10-11 com Isaías 45:23.
5. Veja também Lucas 24:39 e Colossenses 2:9.
6. Veja também Romanos 3:28; 11:6 e Gálatas 5:4.
7. Veja também Zacarias 3:1-5.
8. Referência cruzada de Hebreus 8:8-12.
9. O contexto revela que esta “grande multidão” de pessoas são os crentes que morrem durante a Tribulação (versículos 13-14).
10. Veja também 2 Reis 2:1-11.
11. Veja também Lucas 13:28.
12. If we take the Society’s definition of death, this verse would read, “Precious in the sight of the Lord is the non-existent state of His godly ones.”
13. Veja também Lucas 12:4-5.
14. Veja também Lucas 23:46 e Atos 7:59.
15. Veja também Isaías 66:24, Revelação 14:11

Print Friendly, PDF & Email

This post is also available in: EspanholTchecoRussoInglêsPortuguese