Diálogo 5a: Quão Honesta é a Torre de Vigia acerca da sua História?—Parte I

ccjw-en-adbullets  CONVERSAS CRISTÃS COM AS TESTEMUNHAS DE JEOVÁ
— Respostas Bíblicas a perguntas que as Testemunhas de Jeová fazem

(CAPÍTULO 10: “Práticas que Deus Odeia”)

Qual é a definição de mentira para a Torre de Vigia? Tem a Sociedade usado a “estratégia de guerra teocrática” para encobrir a sua história? Quão bem se tem distanciado a Torre de Vigia de objetos inspirados pelo espiritismo? 

SUSANA: Olá Isabel. Teve oportunidade de ver a nossa próxima lição na brochura da organização, O Que Deus Requer de Nós? 

ISABEL: Oh sim, Susana. Estive a ler o artigo “Práticas que Deus Odeia” e tenho uma pergunta. O que as Testemunhas de Jeová ensinam sobre a mentira? 

SUSANA: Bem, Isabel, tal como a nossa última lição mostrou, “Os servos de Deus precisam sempre falar a verdade. Os mentirosos não entrarão no Reino de Deus.”1.  E tal como estamos a estudar hoje, “Jeová Deus não pode mentir.… aqueles que querem a aprovação dele precisam evitar a mentira.”2.

ISABEL: Concordo com isso, Susana, mas o que você faria se descobrisse que alguém que ama lhe tinha mentido? Seria capaz de confiar no que essa pessoa lhe dissesse no futuro? 

SUSANA: Bem, não estou certa disso Isabel. Mas porque me pergunta isso? 

ISABEL: Susana, se você soubesse que a organização Torre de Vigia tinha mentido às Testemunhas de Jeová por encobrir a sua história, quereria saber? 

SUSANA: Oh, Isabel, você tem que ter cuidado com o que lê. Os apóstatas escrevem todo o tipo de coisas ruins sobre a organização, porque estão amargurados devido a alguma experiência que tiveram na organização. Lembre-se, Satanás vai usar qualquer coisa que possa, para tentar conseguir que você pare de estudar sobre Jeová. A organização é a nossa “Mãe.”3. Os apóstatas escrevem essas coisas para nos magoar. Como se sentiria se alguém escrevesse coisas más sobre a sua mãe? Não se sentiria também magoada? 

ISABEL: Susana, se a sua mãe tivesse cancro, não quereria que ela fosse honesta consigo, embora soubesse que a verdade a iria magoar, ou quereria que ela encobrisse e usasse desculpas consigo? 

SUSANA: Bem, acho que quereria saber, mas eu não quero ler nada de apóstatas. 

ISABEL: Não vamos ler nada de apóstatas. Vamos apenas ver alguma da sua literatura da Torre de Vigia e você poderá julgar por si mesma. 

SUSANA: Está bem. 

ISABEL: Susana, lembra-se do livro histórico que a Sociedade Torre de Vigia publicou em 1959 chamado As Testemunhas de Jeová no Propósito Divino? Pode ler esta declaração sobre Charles Russell aqui na página 63? 

SUSANA: “Mas é verdade que vocês nunca publicaram uma biografia do Pastor Russell? É verdade. As Testemunhas de Jeová admiram as qualidades que ele possuía como homem, mas se fossemos dar honra e crédito ao Pastor Russell, nós estaríamos dizendo que os resultados e o sucesso eram dele ….” (edição em inglês)

ISABEL: Está a Sociedade a dizer que eles “nunca” publicaram uma biografia do Pastor Russell porque não queriam dar-lhe “honra e crédito”? 

SUSANA: Sim, Isabel, é isso que eles estão a dizer. 

ISABEL: Você lembra-se como Charles Russell, fundador da organização Torre de Vigia, escreveu vários livros que a Sociedade publicou, como uma série chamada de Estudos das Escrituras? Este livro que tenho aqui é uma edição de 1925 do primeiro livro dessa série, chamado O Plano Divino das Eras. Como pode ver nesta edição de 1925, as primeiras trinta páginas deste livro contêm uma “Biografia do Pastor Russell.” 

SUSANA: Isso é interessante, mas eu estive lendo o novo livro histórico da Sociedade, Testemunhas de Jeová—Proclamadores do Reino de Deus, publicado em 1993, e a Sociedade agora admite na página 64: “Uma breve biografia de Russell e seu testamento foram publicados na The Watch Tower de 1.° de dezembro de 1916 e em edições subsequentes do primeiro volume de Studies in the Scriptures (Estudos das Escrituras).” Por isso, como pode ver Isabel, a Sociedade agora admite que eles publicaram uma biografia de Russell. 

ISABEL: Susana, porque você acha que a Sociedade mentiu sobre a biografia por mais de trinta anos? 

SUSANA: Não sei, mas estou satisfeita que eles sejam honestos sobre isso agora. 

ISABEL: Susana, além do primeiro volume do Estudos das Escrituras, onde mais a Sociedade diz que publicou a biografia? 

SUSANA: Bem, eles dizem que ela foi também publicada no artigo de A Sentinela de 1 de Dezembro de 1916. (edição em inglês) 

ISABEL: Está certo, Susana. Eu tenho aqui o artigo de A Sentinela de 1 de Dezembro de 1916 que, tal como pode ver, contém a biografia de Russell. Poderia ler esta afirmação aqui na página 377 debaixo de “Um Tributo Pessoal ao Pastor”? 

SUSANA: Está bem. “Verdadeiramente estas palavras corretamente se aplicam ao nosso amado Irmão e Pastor! Charles Taze Russell, foste, pelo Senhor, coroado como rei; e pelas eras eternas o teu nome será conhecido entre o povo, e teus inimigos virão e adorarão aos teus pés”  O QUÊ?  Eles disseram às pessoas para “adorar” Russell?  Nem pensar!  Não posso acreditar nisso! 

ISABEL: Susana, você está com o artigo nas mãos. Como pode ver, ninguém inventou isto. Embora tenha sido num artigo de A Sentinela de 1 de Dezembro de 1916 e não na biografia que realmente disseram às pessoas para “adorar” Russell, foi a biografia juntamente com a literatura da Torre de Vigia daquele tempo, que promoveram a falsa adoração a Russell. É de admirar que a Sociedade tenha mentido sobre a biografia por mais de trinta anos? Visto que Deus é o Deus da Verdade, como poderia Ele estar por detrás de uma organização que promoveu adoração falsa a um homem e mentiu sobre isso para encobrir a evidência? Uma vez que a Sociedade está ainda a tentar arranjar desculpas para a falsa adoração a Russell em sua história, como podemos nós confiar nesta organização para nos ensinar a verdade? 

SUSANA: Não sei Isabel. 

ISABEL: Susana, sabe qual é a definição de mentira para a Torre de Vigia? 

SUSANA: Não. Qual é?

ISABEL: Sob o título “Mentira” no Estudo Perspicaz das Escrituras, volume 2, páginas 807-808, a Sociedade afirma: “Mentir geralmente envolve dizer uma falsidade a alguém que tem o direito de saber a verdade.…Ao passo que a mentira maldosa é definitivamente condenada na Bíblia, isto não significa que a pessoa seja obrigada a divulgar informações verídicas àqueles que não têm direito a elas.”

COMENTÁRIOS:

Amigos, têm vocês o “direito de saber a verdade”? Jesus disse: “Eu sou o caminho, e a verdade, e a vida; ninguém vem ao Pai senão por mim.”4.  Em vez de confiar em que uma organização desonesta lhe diga a verdade, porque não coloca sua completa confiança no Único que é “a verdade” —o próprio Jesus.

bullets Próximo capítulo

=========

1. O Que Deus Requer de Nós?, 1996, pág. 19, parág. 6
2. O Que Deus Requer de Nós?, pág. 20, parág. 3
3. A Sentinela, 1 de Maio, 1957, pág. 274 (edição em inglês)
4. João 14:6, Almeida Revista e Atualizada

Print Friendly, PDF & Email

This post is also available in: EspanholTchecoInglês